Posted in Portuguese

Tancos

naom_5a3a29c993a91

Ando a ver esta palavra “Tancos” nos destaques de notícias portuguesas mas nunca sabia a historia completa. Por isso decidi fazer uma pesquisa. O seguinte é um resumo baseado numa cronologia compilada por Luciano Alvarez no jornal “Público”.

No dia 29 de Junho 2017, o exército informou ao governo que tinha havido um assalto no dia anterior na freguesia de Tancos. Uma grande quantidade de materiais de guerra foi roubado dos paióis nacionais, incluindo centenas de balas, granadas, explosivos plásticos e até granadas-foguete antitanque.

Em breve, foi lançado uma investigação, e vários políticos do governo nacional visitaram Tancos. Afinal foram descobertos, no dia 18 de Outubro do mesmo ano, quase todos as munições a cerca de 25 quilómetros da base. Como é que chegaram lá? Não faço ideia. Os processos disciplinares continuaram contra uns membros das forcas armadas que tinham falhado nos seus deveres.

No dia 25 de Setembro, 6 meses depois de ter recebido o relatório sobre os acontecimentos, o PJ detetou um suspeito civil e 6 membros da policia militar que foram suspeitos de ter tentado esconder os factos sobre o desaparecimento. Durante os próximas semanas, surgiram mais revelações sobre quem sabia o quê, e quando sabiam. Finalmente, no dia 12 de Outubro deste ano, o ministro de defesa, Azeredo Lopes demitiu-se.

Aqui termina a cronologia, mas o escândalo continua. Já existe uma comissão de Tancos. Um novo relator foi eleito recentemente. O seu nome é Ricardo Bexigo.

Author:

Just a data nerd

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s