Posted in Portuguese

“Watchers” Luís Louro

42102105Uma grande amiga minha ofereceu-me este livro e eu nem sequer conhecia o autor antes de o receber. É uma banda desenhada. A arte é muito gira com muitas piadas visuais, escondidas nos pormenores. A história parece o enredo de um episódio perdido da série “Black Mirror”.

Gostei bastante, se bem que o final deixou-me insatisfeito. Não posso dizer o porquê sem dar spoilers, mas… hum, não sei. Acho que é descabido. Existe uma “versão B” do mesmo livro que tem um desenlace diferente e se calhar isso seria melhor…?

Posted in Portuguese

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Anteontem, fui com a família ao teatro para assistir a primeira parte de uma peca de teatro chamada “Harry Potter and the Cursed Child”. Comprámos os bilhetes há mais de um ano o que foi uma boa jogada porque, hoje em dia, não temos dinheiro suficiente! Chegámos cedo e comprámos um folheto sobre o elenco, as personagens e a historia em geral. Como devem saber, é uma história da saga famosa escrita pela autora J K Rowling. Trata-se de uma sequela dos sete livros, que se segue do ultimo capítulo do sétimo, em que os filhos do Harry, do seu amigo Ron e do seu adversário Draco Malfoy entram no comboio para escola.

notebook_image_961725No inicio, havia malas de viagem no palco e um chapéu a flutuar por cima. Quando o espectáculo começou, ficámos boquiabertos. Não posso falar demais sobre o enredo ou a magia porque preciso “guardar o segredo” (os empregados deram a cada membro da audiência uma crachá com esta legenda!) mas basta dizer que os efeitos eram espectaculares. À sério: Es-Pec-Ta-Cu-La-Res. Não tenho palavras. O dialogo é divertido e os actores muito bons (sobretudo os que protagonizam o Scorpius Malfoy e a Moaning Myrtle). A primeira parte termina numa maneira que deixou o público em suspenso até à segunda.

Assistimos à segunda parte hoje à noite e, como podem imaginar, estamos muito entusiasmados!

Posted in Portuguese

Ana Paula Henkel

Recentemente vi uma entrevista com Ana Paula Henkel numa programa brasileira. A Senhora Henkel é uma ex-jogadora de vôlei brasileiro. Hoje em dia, é licenciada em Ciências politicas na universidade de Califórnia, e é activa na vida politica do país. Ora bem, não concordo muito com as suas opiniões: durante a entrevista, ela não mencionou o presidente actual do país, o Jair Bolsonaro, mas falou com o apresentador (um comediante chamado Danilo Gentili) sobre Trump, sobre os jornais tendenciosos, e sobre o assunto mais chato e sobrecarregado no mundo: o excesso do politicamente correcto. Não tenho paciência para tudo isso: políticos que justificam quaisquer políticas ruins, ou quaisquer crimes contra o estado por método de dizer que as queixas vêem exclusivamente das pessoas hipersensíveis da esquerda.

Du4daSUWkAAhB7v

Ao final da entrevista mostrou a sua top, com uma imagem de Margaret Thatcher, a ex-primeira ministra do Reino Unido. e a legenda “lute como essa garota”!

A Ana Paula é uma das personalidades desportistas que tem falado contra o fenómeno de pessoas trans, com corpos masculinos que jogam contra atletas femininas, que é algo muito polémico nesta altura, mas isso não fazia grande parte da entrevista e por isso não sei se recebesse muitos insultos, tal como a Martina Navratilova, que disse algo semelhante. Por acaso, este assunto é a única dela com qual eu concordo.

Falou do seu dedo deslocado, a a sua coragem em continuar a jogar com aquela lesão. Enfim achei-a uma personagem interessante, apesar das suas opiniões conservadores.


Sorry – so much Brazil lately! I need to get back on point here!

*=I wrote “muito abuso” but I don’t think you can use “abuse” in that context. Abuse of power but not “I got a lot of abuse”

Posted in Portuguese

Tancos

naom_5a3a29c993a91

Ando a ver esta palavra “Tancos” nos destaques de notícias portuguesas mas nunca sabia a historia completa. Por isso decidi fazer uma pesquisa. O seguinte é um resumo baseado numa cronologia compilada por Luciano Alvarez no jornal “Público”.

No dia 29 de Junho 2017, o exército informou ao governo que tinha havido um assalto no dia anterior na freguesia de Tancos. Uma grande quantidade de materiais de guerra foi roubado dos paióis nacionais, incluindo centenas de balas, granadas, explosivos plásticos e até granadas-foguete antitanque.

Em breve, foi lançado uma investigação, e vários políticos do governo nacional visitaram Tancos. Afinal foram descobertos, no dia 18 de Outubro do mesmo ano, quase todos as munições a cerca de 25 quilómetros da base. Como é que chegaram lá? Não faço ideia. Os processos disciplinares continuaram contra uns membros das forcas armadas que tinham falhado nos seus deveres.

No dia 25 de Setembro, 6 meses depois de ter recebido o relatório sobre os acontecimentos, o PJ detetou um suspeito civil e 6 membros da policia militar que foram suspeitos de ter tentado esconder os factos sobre o desaparecimento. Durante os próximas semanas, surgiram mais revelações sobre quem sabia o quê, e quando sabiam. Finalmente, no dia 12 de Outubro deste ano, o ministro de defesa, Azeredo Lopes demitiu-se.

Aqui termina a cronologia, mas o escândalo continua. Já existe uma comissão de Tancos. Um novo relator foi eleito recentemente. O seu nome é Ricardo Bexigo.

Posted in Portuguese

É Tudo Uma Questão de Tempo – José Jorge Letria

47586435_756354014698324_6635581299585187840_nMais uma tentativa de apreciar a poesia portuguesa… Gosto muito de José Jorge Letria desde ouvi um poema dele num podcast. Foi a primeira vez (e continua a ser quase a única vez!) que gostei de um poema português. Lamento que ainda falte paciência para ler poesia em qualquer língua, e o problema fica ainda pior quando tenho de alcançar o dicionário a cada 4 linhas! Mas de vez em quando uma luz penetra a escuridão da minha ignorância e consigo ver a beleza da escrita. Às vezes reli os poemas mais de uma vez para aumentar a experiência.

Posted in Portuguese

Explicando o Brexit aos Brasileiros

O meu amigo brasileiro* fez a seguinte pergunta: ‘O que é que se passa aí com o “brexit”‘? e para ser sincero, ando farto de falar nisto. Nós os que votámos contra a proposta do referendo queríamos apenas que as relações entre o nosso país e os nossos vizinhos continentais continuassem sem transtorno, e que continuássemos a ter direitos para viajar, trabalhar e fazer quaisquer coisas nos apetecessem, tal como os outros cidadãos da Europa, mas ao que parece, havia muitas pessoas que tínham uma opinião oposta, quer por motivos de racismo, quer por acreditarem que na união prejudica a democracia, quer por sentirem que o seu modo de vida tinha piorado até um ponto de ser insuportável e que qualquer mudança no sistema iria melhorar as coisas. Mas não é o caso. Comprámos uma mistura de patriotismo, optimismo, mentira e ódio, e agora encontramo-nos ao pé duma catástrofe épica. O único motivo para ser optimista é que finalmente podemos acabar com o nosso hábito de culpar a UE por qualquer problema na nossa vida. Mas cada vez que ligo a televisão, lá está mais um político que fala como se fosse precisamente por causa da UE que tudo isto aconteceu. É óbvio que a retórica vai continuar tóxica durante os próximos anos também.

 

*=sim, após de 3 anos a evitar brasileiros aleatórios que queriam mudar os meus estou-a-fazers para estou-fazendos, agora estou a fazer um intercâmbio linguístico com um brasileiro, mas mora lá em Portugal e por isso as aulas não são assim tão confusas!

Thanks to Fenrnanda for more rigorous corrections on this one. Previous version still full of undetected fuqueups.

Posted in Portuguese

Homework

No caso de viajar até Londres, é importante que os turistas da UE se familiarizem com as regras relacionadas a visitantes. As regras estão no processo de se transformarem por causa do Brexit. Apesar disso, vale a pena visitar a capital do Reino Unido, e é uma das cidades mais históricas e mais interessantes do mundo. Há tantas coisas para fazer. Durante o dia, há muitos museus, cujos tesouros estão disponíveis para visitação. A entrada grátis, a toda a gente. A população da cidade é muito diverso, portanto há sempre atividades culturais, festas religiosas, restaurantes de todos os países e pessoas diferentes para conhecer. À noite, visitantes conseguem desfrutar um programa noturno impressionante. Existem aqui centenas de salas de concerto, cinemas, clubes e teatros. Embora o tempo seja tipicamente horrível, para quem aguenta a chuva, esta cidade é cheia de surpresas.

Bit boring, this, but it’s a textbook exercise. Thanks Daniela and Abner for the help